Blog

Passagem com antecedência: quando vale a pena comprar?

Por: Extraviou | Data: 20 de fevereiro de 2019

Quem gosta de viajar sabe que, para que dê tudo certo é necessário ter um bom planejamento. Entre as diversas coisas que devem ser resolvidas, uma delas é a compra das passagens aéreas com antecedência. Contudo, existe uma dúvida que assola as pessoas: vale a pena comprar passagem com antecedência? Qual o melhor momento para comprá-la?

Pensando nisso, preparamos este artigo, onde trazemos a resposta para esta questão. Continue fazendo a leitura e descubra!

Compra de passagem com muita antecedência não é um negócio lucrativo.

 

Ainda que seja bem planejada, uma viagem envolve uma série de gastos, tais como passagens aéreas, hospedagem, alimentação, transporte e passeios. A passagem é um dos custos mais altos. Por isso, os turistas buscam comprá-la com antecedência, com o objetivo de conseguir descontos. Acontece que tal decisão não é uma boa ideia, e pode sair mais caro.

É natural ouvirmos das companhias aéreas a recomendação de comprar as passagens com antecedência, mas o que muita gente desconhece é que é através destas vendas antecipadas que estas empresas mais lucram. Ou seja, o prejuízo que o consumidor terá é lucro para as companhias.

É importante ressaltar que sim, vale a pena comprar passagem com antecedência, mas não com tanta antecedência.

Ao adquirir a passagem aérea com muita antecedência (período entre seis meses a um ano), o consumidor está, na verdade, gastando mais do que gastaria se comprasse com menos antecedência. Isso porque, ao fazer a aquisição meses antes de viajar, ele perderá oportunidades de promoções.

Outro ponto importante que deve ser destacado é que ao comprar a passagem com muitos meses de antecedência, o turista está sujeito às seguintes situações:

– A companhia aérea pode alterar ou cancelar o serviço de bordo;

– O horário do voo pode não ser operado e designar a pessoa e sua família para outro horário.

Qual o momento ideal para comprar passagem antecipada?

 

 

Para saber se você está fazendo um bom planejamento, é fundamental levar em consideração a época em que será feita a viagem – alta ou baixa temporada.

No Brasil, a alta temporada são os meses de janeiro, fevereiro, julho e dezembro, além dos feriados. Os demais meses representam a baixa temporada, época do ano onde o custo das passagens aéreas é mais em conta.

 

Portanto, a antecedência ideal para fazer a compra de passagens para viagens nacionais é entre 25 a 40 dias (baixa temporada) e dois a três meses (alta temporada).

Em relação aos voos internacionais, o tempo ideal de antecedência é entre um a dois meses (baixa temporada) e 60 a 120 dias (alta temporada). Viagens ao exterior têm como alta temporada os meses de dezembro e janeiro, mas é importante avaliar o destino, visto que cada país tem seus meses de alta e baixa. Também se deve levar em consideração fatores como o clima na época em que se pretende viajar.

Jamais compre sua passagem em cima da hora.

 

Assim como comprar passagem com antecedência é um mau negócio, deixar para comprá-la em cima da hora também não é recomendável. Normalmente, as companhias áreas cobram um valor mais alto quando alguém precisa viajar com urgência.

 

Dicas para comprar passagem aérea barata.

 

A dica de ouro aqui é pesquisar muito. O passageiro deve buscar nos sites das próprias companhias aéreas e também em outros sites que oferecem esse serviço.

Outro ponto que ajuda muito é quando o consumidor não possui uma data específica para realizar a viagem. Dessa forma na hora de fazer a busca da passagem aérea é possível  colocar uma data e procurar por dias próximos, contando com uma certa flexibilidade. Por exemplo, se pretende viajar na sexta de uma semana e voltar na outra sexta, mas possui 15 dias de férias, também faça buscas indo e voltando na segunda ou na terça, e assim sucessivamente. Se você se encaixa nessa situação não se esqueça de verificar os datas próximas, dentro do período que você pode viajar. Essa simples atitude pode te fazer economizar um bom dinheiro.

Por fim, outra recomendação válida é que o usuário limpe o histórico de busca e os arquivos que realizou para fazer as pesquisas das passagens aéreas. Essa atitude evita o aumento do preço das passagens aéreas para aquele destino que esta sendo mais procurado.

 

Cuidado: nem sempre preço baixo é sinônimo de vantagem.

 

Na hora da compra tente levar em consideração outros aspectos, como o horário do voo, o número de conexões, tempo de espera no aeroporto. Dependendo da viagem compensa passar algumas horinhas a mais esperando no aeroporto.

Por outro lado, tem viagens que compensa pagar um pouquinho mais caro para ter um pouquinho mais de conforto. É o que acontece, por exemplo, quando se viaja com recém nascidos e crianças. Os pequenos são, geralmente, mais agitados, por isso analise bem as suas necessidades.

 

Este artigo te ajudou? Se você ficou com alguma dúvida, acesse nosso site e preencha nosso formulário informando sua dúvida ou problema. Se preferir, entre em contato conosco através de nosso e-mail ou telefone. Nós teremos o maior prazer em te ajudar.

Pesquisar
Posts mais populares